E TERMINOU EMPATADA A PARTIDA ENTRE BRASIL E ARGENTINA

Brasil e Argentina entrando em campo Foto JB

Brasil e Argentina fizeram mais um jogo de pura transpiração hoje, em Hereford, pelo mundial de Futebol de 5. Apesar da partida não valer mais nada, já que os brasileiros já estavam classificados em primeiro e os argentinos já tinham sido eliminados, a rivalidade entre as duas seleções falou mais alto e a disputa foi muito grande, terminando em um empate sem gols.

Disputa de bola na banda Foto JB

Enquanto a chuva castigava os jogadores, a disputa dentro de quadra estava muito forte. O Brasil, que utilizou jogadores que não vinham entrando freqüentemente, dominou quase todo o jogo, mas cometeu muitas faltas.

"Foi um jogo típico de Brasil e Argentina, disputado como sempre é, independente do clima ou se vale alguma coisa", avaliou João Batista ao fim da partida falando ao site do CPB.

"A chuva tirou um pouco o brilho do jogo, mas não a nossa garra, nossa vontade. Além do que, o Brasil teve mais volume de jogo, dominou a maior parte da partida", completou Marquinhos.

"Eu gosto muito de jogar Brasil e Argentina, é um momento mágico, pena que só entrei no finalzinho", falou o capitão Sandro Laina.

"Achei a partida ótima. Até porque jogamos com dois sistemas e deu muito certo, já que a Argentina pouco chegou ao nosso gol", argumentou Ramon, técnico da seleção.

Antes do jogo entre Brasil e Argentina, os chineses garantiram a vaga na semi-final ao vencer os gregos por 4 a 1, resultado necessário para a passagem. Os chineses e franceses empataram em pontos e no saldo, porém, a China teve mais gols pró.

No jogo que encerrou a rodada de hoje, a Inglaterra venceu a Colômbia e garantiu o segundo lugar em seu grupo, sendo a adversária do Brasil na semi-final de sábado.

No sábado, dia 21, Espanha joga contra China, às 13 horas de Hereford e Brasil disputa uma vaga para final contra os ingleses às 15 horas (11 horas de Brasília).